Mapa do Site

Fracturas da cintura escapular, ombro e braço da criança

Clavícula

Em geral requerem tratamento ortopédico com o uso d’um cabestrillo durante 3-4 semanas + 3 semanas de protecção desportiva (Figura 10).


Recomenda tratamento cirúrgico quando existe risco de perfuração cutânea pelos extremos ósseos.

CMI
Figura 10
. Fractura da parte media da clavícula angulada e pouco deslocada. Trata-se mediante um cabestrillo

Fractura obstétrica de clavícula (Fig 6)

CMI


É a fractura obstétrica (produzida durante o parto) mais frequente. Produz-se em partos difíceis e é importante excluir paralisia braquial obstétrica (objetivar a flexão activa do cotovelo). Este tipo de fractura cura muito rapidamente formando um calo de grande tamanho que remodela com o tempo. Colocar a extremidade debaixo da roupa durante uma semana é suficiente.



Não é necessário uma radiografia para diagnosticá-la nem para controlar a reparação.


Úmero proximal

As fracturas do úmero proximal têm uma grande capacidade de remodelação ao apresentar uma fise com grande potencial de crescimento. Assim, podemos tratar ortopedicamente fracturas com bastante deslocamento ou angulação (sobretudo em paciente jovens) (Fig. 11).

CMI
Figura 11. Fractura proximal de úmero numa criança de idade jovem. Remodelação completa.

A maioria são fracturas fisárias Salter-Harris tipo I e II. Imobiliza-se mediante de um cabestrillo durante 2-3 semanas.
Planeamos o tratamento cirúrgico em fracturas muito deslocadas na adolescência mediante redução fechada e osteossíntese percutânea com agulhas Kirschner ou parafusos.


Diáfises do úmero

Em geral o tratamento recomendado é ortopédico, com imobilização mediante uma tala em U.
Na adolescência existe maior tendência ao deslocamento e recomenda-se redução fechada e osteossíntese com agulhas intramedulares elásticas (Metaizeau) (Fig. 12).

CMI
Figura 12. Fractura diafisária baixa do úmero tratada com agulhas intramedulares elásticas.


Fractura obstétrica do úmero

É a segunda fractura obstétrica mais frequente. Tratamento mediante tubo-tracção 10 dias (Fig. 13). Com este método “artesanal” a angulação residual é perfeitamente remodelável devido à idade jovem.

CMI
Figura 13
. Fractura obstétrica de úmero tratada mediante tubo-tracção.


A paralisia braquial obstétrica - Displasia do ombro
Causas, mecanismos e lesões na PBO
Risco de PBO. Provas necessárias
Tratamento da PBO (Cirurgia, Fisioterapia)
Problemas de ombro de uma criança com PBO
Prevenção e Risco de CRIO e DGU
Diagnóstico e tratamento da Displasia do Ombro
Que profissional necessita o meu bebé?
Experiencia do Dr. Soldado
Malformações
Polgar curto ou ausente: hipoplasia do polegar
Pulso desviado: Mão bota radial e cubital
Dedos curtos: Braquidactilia, Simbraquidactilia, Síndrome da Brida Amniótica.
Menos dedos: Mão dividida e mão bota cubital
Dedos ou polegar extra: Polidactilia
Dedos unidos ou Sindactilia
Paralisia cerebral - Hemiparesia espástica
Definição, generalidades e avaliação de paralisia cerebral
Problemas no membro superior de crianças com hemiparesia espática
Tratamento não cirúrgico da hemiparesia espástica
O membro superior na paralisia cerebral com tetraparesia espástica
Tratamento cirúrgico da hemiparesia espástica
Microcirurgia
Microcirurgía vascular pediátrica: generalidades
Reconstrução de perdas ósseas I: Transferência de perónio vascularizado
Reconstrução de perdas ósseas II: Transferência de periósteo de perónio vascularizado
Não-união ou pseudo-artrose recalcitrante de osso
Revascularização de osso (osteonecrose, necrose asséptica)
Reconstrução de articulações. Transferência de epífises e cartilagem de crescimento vascularizada do perónio
Reimplantes e revascularizações
Transferência de músculo funcional (vascularizado e inervado)
Cobertura de perdas de pele
Fracturas - Feridas
Generalidades das fracturas
Fracturas típicas do osso na criança
Tratamento das fracturas na criança: generalidades
Classificação e tratamento das fracturas na placa de crescimento
Fracturas da cintura escapular, ombro e braço da criança
Fracturas do cotovelo da criança
Fracturas do antebraço e punho da criança
Fracturas da mão da criança
Feridas do membro superior da criança
Francisco Soldado
Vídeos Doutor Francisco Soldado
CV
Publicações
Apoio à Pesquisa
Casos conhecidos como o seu
Cooperación internacional: Misiones quirúrgicas
© 2001-2019 Francisco Soldado.Política de PrivacidadeAviso LegalPolítica da Qualidade Website by