Mapa do Site

Polgar curto ou ausente: hipoplasia do polegar

Na hipoplasia do polegar, este não se desenvolve correctamente. A gravidade é variável, desde um polegar de discreto menor tamanho, à ausência completa do polegar (Classificação de Blauth). A hipoplasia do polegar forma parte das deficiências radiais (como a mão bôta radial) e, portanto, pode associar-se a síndromes (malformações doutros órgãos) pelo que o seu bebé requere avaliação pelo pediatra ou pelo geneticista.

Diz-se que 50% da função da mão é devida ao polegar. é imperativo melhorar ou reconstruir o polegar para que a criança tenha uma boa função da mão. A cirurgia é recomendada próximo do primeiro ano de idade, pois é o momento em que as crianças iniciam a pinça do polegar.

Quando existe um polegar suficientemente desenvolvido podemos melhora-lo e fazer que funcione melhor mediante da cirurgia. Os problemas são: dificuldade de fazer a pinça (menor movimento por ausência de músculos), instabilidade (o polegar fica desviado para fora por falta de ligamentos) e primeira comissura pouco ampla (espaço entre o polegar e dedo indicador) (Figura 1). Mediante Z plastias na primeira comisura (cortes na pele para aumentá-la) e da transferência de um tendão (passar um tendão do dedo anelar para poder mover o polegar) podemos solucionar estes problemas e conseguir uma função excelente (Figura 2).
 

CMI

Figura 1: Mão com hipoplasia do polegar. Observe que o polegar é instável e pode-se desviar para fora, não há musculatura na palma da mão e a primeira comissura é estreita.

 

CMI

Figura 2: Uma vez operada a mão, o polegar é estável e pode realizar uma pinça funcional.




Quando não existe polegar ou está muito pouco desenvolvido utilizamos a técnica da Policização. Consiste em transformar o dedo indicador num polegar. Podemos conseguir um novo polegar com um funcionamento excelente (Figura 3 e 4).

 

CMI

Figura 3. O polegar é muito hipoplásico, e a sua reconstrução não faz sentido pois não funcionaria. É preferível amputa-lo e polegarizar o dedo indicador para ter uma função da mão normal.

 


CMI

Figura 4. Imagem da mão previa, em quirófano logo depois da polegarização.


 

A paralisia braquial obstétrica - Displasia do ombro
Causas, mecanismos e lesões na PBO
Risco de PBO. Provas necessárias
Tratamento da PBO (Cirurgia, Fisioterapia)
Problemas de ombro de uma criança com PBO
Prevenção e Risco de CRIO e DGU
Diagnóstico e tratamento da Displasia do Ombro
Que profissional necessita o meu bebé?
Experiencia do Dr. Soldado
Malformações
Polgar curto ou ausente: hipoplasia do polegar
Pulso desviado: Mão bota radial e cubital
Dedos curtos: Braquidactilia, Simbraquidactilia, Síndrome da Brida Amniótica.
Menos dedos: Mão dividida e mão bota cubital
Dedos ou polegar extra: Polidactilia
Dedos unidos ou Sindactilia
Paralisia cerebral - Hemiparesia espástica
Definição, generalidades e avaliação de paralisia cerebral
Problemas no membro superior de crianças com hemiparesia espática
Tratamento não cirúrgico da hemiparesia espástica
O membro superior na paralisia cerebral com tetraparesia espástica
Tratamento cirúrgico da hemiparesia espástica
Microcirurgia
Microcirurgía vascular pediátrica: generalidades
Reconstrução de perdas ósseas I: Transferência de perónio vascularizado
Reconstrução de perdas ósseas II: Transferência de periósteo de perónio vascularizado
Não-união ou pseudo-artrose recalcitrante de osso
Revascularização de osso (osteonecrose, necrose asséptica)
Reconstrução de articulações. Transferência de epífises e cartilagem de crescimento vascularizada do perónio
Reimplantes e revascularizações
Transferência de músculo funcional (vascularizado e inervado)
Cobertura de perdas de pele
Fracturas - Feridas
Generalidades das fracturas
Fracturas típicas do osso na criança
Tratamento das fracturas na criança: generalidades
Classificação e tratamento das fracturas na placa de crescimento
Fracturas da cintura escapular, ombro e braço da criança
Fracturas do cotovelo da criança
Fracturas do antebraço e punho da criança
Fracturas da mão da criança
Feridas do membro superior da criança
Francisco Soldado
Vídeos Doutor Francisco Soldado
CV
Publicações
Apoio à Pesquisa
Casos conhecidos como o seu
Cooperación internacional: Misiones quirúrgicas
© 2001-2019 Francisco Soldado.Política de PrivacidadeAviso LegalPolítica da Qualidade Website by